terça-feira, 26 de janeiro de 2021

Prefeito não responde ofício e sessão que votaria reajuste salarial dos servidores de Queimados é cancelada

Vereadores já haviam tirado a votação de pauta do dia 14/01, esperando ouvir exatamente a decisão de Kaizer. 

A sessão extraordinária marcada para a manhã desta terça-feira (26) foi cancelada pelo presidente da Câmara Municipal de Queimados, pelo presidente da casa, o vereador Nilton Moreira Cavalcante.  A principal pauta seria a votação dos reajuste de salário anual dos servidores municipais. 

A votação que estava na pauta da sessão do dia 14/01, foi retirada de pauta pois no entender dos vereadores, se fazia necessário ouvir a opinião do prefeito sobre o tema. Foi enviado então um ofício, formalizando a necessidade de resposta do prefeito, porém, nenhuma resposta foi enviada. 

Vale destacar que o projeto e oriundo da gestão anterior, quando na ocasião, o prefeito Carlos Vilela enviou a Câmara, em dezembro de 2020, uma proposta de reajuste de 1,75% para os servidores e 1,72% para os agentes políticos – prefeito, vice e secretários.

Em contato com a reportagem da Revista Queimados, o presidente da Comissão de Orçamento e Finanças da Câmara, o vereador Lúcio Mauro, alegou a necessidade de ouvir a versão do prefeito, uma vez que o reajuste foi estipulado na gestão anterior: "Como foi uma proposta feita pela gestão anterior, inclusive que deixou de ser votada por falta de quórum, precisamos saber a opinião do prefeito sobre o tema. Eu, particularmente, acho até baixo esse reajuste de 1,75%  para os servidores, visto que está abaixo da inflação que bate 4,23%, porém, não podemos alterar esse índice, porque não sabemos qual seria o impacto orçamentário de tal decisão. Por isso oficializamos o prefeito para que ele decida inclusive se quer ou não uma revisão do seu próprio salário".

Ainda de acordo com Lúcio Mauro, não há como estipular um prazo para tal votação ou mesmo definir um próximo passo: "Iremos oficializar o prefeito novamente e ficamos na dependência de uma resposta dele para que possamos dar o próximo passo", finalizou o vereador.  

Nossa reportagem tentou entrar em contato com o prefeito Glauco Kaizer ao longo do dia, porém, até o fechamento dessa reportagem não havíamos obtido retorno. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

A Revista Queimados é o maior veículo de comunicação da cidade!!!