quarta-feira, 4 de novembro de 2020

Moradora de Austin, professora desaparece após ir a evento gospel em Japeri

 


A professora e orientadora educacional Maria Célia de Oliveira Carvalho, de 51 anos, está desaparecida há cerca de 45 dias, desde que saiu de sua casa, em Austin, distrito de Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, no dia 25 de setembro, com destino a um evento gospel, na Lagoa do Sapo, em Japeri, também na Baixada Fluminense. 

Segundo testemunhas, Maria Célia teria solicitado um transporte por aplicativo e, desde então, seu telefone celular só dá desligado e suas contas nas redes sociais não registraram nenhum acesso.  

A professora que tem uma filha e dois netos era acometida por transtornos psicológicos, porém, ela não teria apresentado nenhuma mudança de comportamento, nos dias que antecederam o sumiço. Segundo a família, ela mantinha sua rotina de trabalho e gostava de participar dos cultos evangélicos

Diante da escassez de informações, a polícia já trabalha com a possibilidade de solicitar, à Justiça, gravações de câmeras para recuperar possíveis imagens da professora, no percurso entre Austin e Japeri, além de investigar a informação de uma testemunha que teria visto Maria Célia, acompanhada de um homem, embarcando em um ônibus na Rodoviária Novo Rio, na Zona Portuária. A delegacia disponibilizou para a população o telefone (21) 98596-7442 (WhatsApp) e ressalta a importância da colaboração com informações e denúncias, com garantia de total anonimatos.

Fonte: Rádio 93FM

Nenhum comentário:

Postar um comentário

A Revista Queimados é o maior veículo de comunicação da cidade!!!