quinta-feira, 8 de outubro de 2020

Em pronunciamento Bolsonaro diz que acabou com a Lava Jato por não haver mais corrupção no governo; mas o presidente pode encerrar com a operação ?

 


Uma das maiores investigações do Brasil, a Lava Jato, voltou aos holofotes na última quarta-feira (07) quando o presidente Jair Bolsonaro afirmou em pronunciamento ter encerrado com a operação por não haver mais corrupção no governo. 

Contudo, mesmo se quisesse, Bolsonaro não tem o poder para encerrar a operação que já teve 76 etapas deflagradas desde 2014. Esse poder cabe a Procuradoria Geral da República (PGR), comandada por Augusto Aras. 

A PGR inclusive, visa encerrar com a Lava Jato Curitiba, em Janeiro de 2021, contudo ela segue ativa e teve a fase mais recente nesta quarta (7), quando foram cumpridos 4 mandados de busca e apreensão no Rio de Janeiro, com o objetivo de aprofundar investigações sobre supostas práticas criminosas na Petrobras. 

Um dos nomes mais ligados à Lava Jato, o ex Ministro Sérgio Moro, usou sua conta pessoal no twitter para questionar um possível fim da operação. Moro, que não citou nominalmete o presidente Bolsonaro, disse que as tentativas de acabar com a operação representa a volta da corrupção. 




Nenhum comentário:

Postar um comentário

A Revista Queimados é o maior veículo de comunicação da cidade!!!