terça-feira, 23 de junho de 2020

Queimados inicia cadastros de profissionais do ramo da cultura



A Prefeitura de Queimados através de sua Secretaria Municipal de Cultura e Turismo deu início ao cadastro de profissionais do ramo cultural na Lei Aldir Blanc (1075/2020), projeto que consiste em assistir financeiramente artistas, técnicos, produtores e trabalhadores que atuam na produção do meio cultural com um auxílio emergencial no valor de R$ 600,00 mensais, por três meses.

O cadastro teve início nesta terça-feira (23), através do preenchimento de um formulário disponibilizado nas páginas do Facebook do Conselho Municipal de Cultura e da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo, onde ficarão armazenados para serem usados em futuras ações de fomento, através da Lei 1075. 

Além dos artistas, os espaços artísticos e micro e pequenas empresas culturais que tiveram as suas atividades interrompidas por conta das medidas de isolamento social também terão direito ao benefício. Neste caso, as empresas precisarão comprovar cadastro municipal, estadual, distrital ou de pontos de cultura, tendo direito a um valor que varia de R$ 3 mil a R$ 10 mil. 

As empresas contempladas deverão ao fim do isolamento social e a volta das atividades realizar atividades para alunos de escolas públicas gratuitamente, ou promover atividades em espaços públicos, também de forma gratuita.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

A Revista Queimados é o maior veículo de comunicação da cidade!!!