quarta-feira, 9 de outubro de 2019

Homem é preso por importunação sexual dentro do Japeri

Foto: Divulgação


Um homem, de 27 anos, que não teve o nome divulgado, foi preso na noite da última terça-feira (8) acusado de importunação sexual dentro de um trem do ramal Japeri. 

O fato foi denunciado pelos próprios passageiros, que Informaram o assédio do homem a uma passageira no interior do coletivo. 

Os envolvidos foram encaminhados até às 4°DP (Central), onde o homem foi autuado e preso em seguida. Ainda durante os registros foi identificado que já havia contra o suspeito, 27 passagens pela polícia, relacionadas à Lei Maria da Penha. 

O caso aconteceu por volta das 18h e 30, quando agentes da SuperVia perceberam um princípio de confusão ainda na estação terminal da Central do Brasil. Logo que perceberam o motivo, acionaram a polícia, que prestaram assistência para que à vítima tomasse as medidas necessárias em relação ao autor, que foi autuado no artigo 215-A do Código Penal (condutas envolvendo importunação sexual).

Em nota, a concessionária que administra os trens declarou que "repudia casos de desrespeito às mulheres e cumpre as medidas que visam protegê-las, como a disponibilização de um carro exclusivo para elas, cartazes com telefones úteis para denúncias de assédios, avisos sonoros e campanhas de conscientização para orientar e ampliar a boa convivência dentro dos trens".


Desde o início deste ano, a SuperVia registrou 19 casos de prisões ou detenções por assédio sexual nos trens ou estações.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

A Revista Queimados é o maior veículo de comunicação da cidade!!!