sexta-feira, 13 de setembro de 2019

Morador de Queimados sobrevive ao incêndio no Hospital Badim

Foto: Reuters/BBC News Brasil
O Rio de Janeiro acordou diante de uma grande tragédia: o Hospital Badim, localizado no Maracanã, Zona Norte do estado, foi atingido com um incêndio de grande proporção, levando a óbito 10 pacientes já confirmados, podendo o número aumentar para 11. 

Entre os pacientes havia um morador de Queimados: José Maria Filho, de 88 anos, internado na unidade há cerca de uma semana com o quadro de pneumonia.

Sua Filha, a funcionária pública Sônia Regina Pinto Maria, relatou os momentos de desespero e alívio ao receber a informação de que o pai estava entre os sobreviventes: 


Sônia falou do momento de angústia ao saber do incêndio. (Foto: Maria Luiza Melo/Ag O Dia


- Quando soubemos do incêndio, meu filho foi procurando em vários hospitais. O nome do meu pai constava no Quinta D'or. Na hora, foi um alívio, mas logo descobrimos que ele não estava lá. Então , desconfiamos que aquela listagem era de todos que estavam no CTI do Badim. Gaças a Deus meu pai, um idos , está vivo. Só posso acreditar que foram os anjos do Senhor - contou Sônia, que havia saído do hospital poucas horas antes do incêndio:

- Eu saí da visita por volta das 17h e 30, nunca ia imaginar que o hospital iria pegar fogo. Foi um desespero - conclui. 

Sônia ainda falou do momento em que realmente encontrou o local para onde o pai foi transferido: 

- Ele está aqui (Hospital Israelita Albert Sabim), passando por procedimentos. Ainda não consegui falar com ele, estou ansiosa - completou Sônia. 


Fonte: Jornal O Dia

Nenhum comentário:

Postar um comentário

A Revista Queimados é o maior veículo de comunicação da cidade!!!