sexta-feira, 19 de julho de 2019

Atenção ! Especialistas alertam maiores chances de infarto e AVC com o frio

Foto: Divulgação


O frio chegou com vontade na baixada, porém, a estação que é esperada por muitos deve servir de alerta em relação aos cuidados com a saúde. 

De acordo com especialistas, a incidência de ataques cardíacos e AVC (Acidente Vascular Cerebral), costuma aumentar cerca de 30% e 20% respectivamente durante o inverno. O estudo feito em diversas partes do mundo mostrou que a cada queda de 10ºC temperatura, o risco de infarto aumenta em 7%, principalmente em ambiente com menos de 14ºC. 

O fenômeno que causa esse aumento nas chances das doenças é chamado de vasoconstrição: quando há um aumento da pressão sanguínea sobre a parede dos vasos que estão com o calibre reduzido, que além de sobrecarregar o coração, facilita o desprendimento de placas de gordura localizadas no interior das artérias, que podem bloquear o fluxo do sangue para o coração e para o cérebro. 

Tal fenômeno acontece devido à luta do organismo para manter a temperatura corporal em torno dos 36º, que com o frio é liberada uma substância chamada catecolamina, que evita a perda de calor em órgãos vitais.

O estudo ainda apontou que a hábito de ingerir menos líquido nos dias frios, aumentam as chances de entupimentos das artérias. 

Os médicos ainda alertam que quados gripais ainda aumentam os riscos, uma vez que as doenças respiratórias provocam inflamações nos vasos sanguíneos, aumentando ainda mais os riscos de desprendimento das placas de gorduras localizadas nas artérias. 

Os médicos alertam ainda para que determinados indivíduos fiquem ainda mais atentos nesta época do ano, como:

• Pessoas que já tiveram infarto ou AVC
• Pacientes que precisaram desobstruir alguma artéria
• Hipertensos
• Diabéticos
• Indivíduos com colesterol alto
• Sedentários
• Fumantes
• Obesos

Diante destes fatores a principal recomendação é evitar uma exposição as baixas temperaturas e, caso precise sair, agasalhar-se bem. Além disso é indicado outros hábitos também, como:

• Evitar alimentos pesados, ricos em sal e gordura (especialmente à noite)
• Praticar atividades físicas
• Vacinar-se contra a gripe
• Ingerir líquidos com frequência

Nenhum comentário:

Postar um comentário

A Revista Queimados é o maior veículo de comunicação da cidade!!!