terça-feira, 31 de janeiro de 2017

Psicóloga promove encontro sobre o tema "Saúde Mental"

LEANDRO MACHADO - O caso do policial militar que fez uma transmissão ao vivo do próprio suicídio pelo Facebook reascendeu as discussões sobre a saúde mental. E uma psicóloga vai realizar uma roda de conversas nesta quarta (1), com o objetivo de conscientizar a população sobre a seriedade do tema. O evento será a partir das 20h, no Centro Educacional Manuel Pereira, no Centro. A entrada é uma lata de leite em pó e toda quantidade arrecadada será doada a um abrigo de Queimados.

No encontro, a psicóloga Daniela Souza vai conversar e esclarecer alguns pontos cruciais para a identificação de pessoas com problemas na saúde mental, entre outros assuntos relacionados ao tópico. O assunto vem ao encontro da campanha Janeiro Branco, campanha realizada por Psicólogos de todo o Brasil para colocar o tema Saúde Mental em evidência. “Estamos vivendo uma triste realidade em relação ao número de suicídios. Promover encontros e falar sobre o tema podem salvar vidas”, disse.

Enquanto o suicídio segue sendo um assunto sobre o qual se fala pouco, o número de pessoas que tiram a própria vida avança silenciosamente. No Brasil, o índice perde apenas para homicídios e acidentes de trânsito entre as mortes por fatores externos (o que exclui doenças). Em todo o mundo, entre os jovens, a morte por suicídio já é mais frequente que por HIV. Entre idosos, assim como entre pessoas de meia-idade, os índices também avançam. 


Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), mais de 800 mil suicídios foram registrados em 2015 em todo o mundo, dos quais 75% em países de média e baixa renda. O Brasil ocupa a 8ª posição no ranking de países com maior incidência de suicídios, ultrapassando o número de 12 mil casos por ano.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

A Revista Queimados é o maior veículo de comunicação da cidade!!!