sexta-feira, 3 de julho de 2015

Queimadense, Ramon Costa pode ser campeão pelo Americano

Ramon comemora um dos seus quatro gols na Série B pelo Americano
Leandro Machado:  Para conseguir sua primeira conquista no futebol, o atacante do Americano, Ramon Costa (23), se diz preparado para ajudar a equipe de Campos na volta à elite do futebol Carioca. O queimadense foi o autor de um dos gols na vitória contra a Portuguesa por 2 a 1 na final da Taça Corcovado (segundo turno da Série B), que deu o título e a chance do alvinegro chegar ao triangular final, onde também estão América e própria Lusa carioca. Neste sábado, a partir das 15h, a primeira batalha decisiva é novamente contra a Portuguesa, no Estádio Luso Brasileiro.

Após ser revelado no Mesquita, Ramon passou por Bonsucesso, Nova Iguaçu, Sampaio Correa,  América, até chegar ao time de Campos no início deste ano. Titular e autor de quatro gols na competição, o atacante é um dos trunfos do treinador João Carlos Ângelo para chegar à primeira divisão. Jovem e consciente, Ramon sabe que tem muita estrada a percorrer, porém está perto de dar um grande passo rumo ao sonho: “Não conquistei nada ainda, mas o acesso é um dos meus objetivos. Quero conquistar muita coisa no futebol ainda”, disse.

O jogador já teve a experiência de disputar a Série A do Campeonato Carioca. Em 2014, ele chegou a enfrentar um dos gigantes do futebol brasileiro. Experiência que faz Ramon focar no objetivo de colocar a equipe de Campos na elite novamente: “Jogar contra clube grande é um sensação maravilhosa. Ano passado tive a felicidade de jogar contra o Vasco ano passado no Carioca. Também já disputei amistosos também contra outros grandes clubes e foi uma experiência muito boa. Quero novamente ter essa oportunidade”, ressaltou.

Com a camisa do “Cano”, Ramon já foi algoz do clube de sua cidade. Morador do bairro São Roque, o atacante marcou um dos gols da vitória do time de campos por 3 a 1 sobre o Queimados, pelo primeiro turno da Série B. O faro de artilheiro também não perdoa o amigo. Parceiro do conterrâneo Júlio César Pop, Ramon marcou contra o Barcelona e ajudou na queda do time do amigo. Confiante, o atleta sabe dos frutos que pode colher com o título da Série B: “Traria uma coisa a mais pra minha carreira, no meu currículo e vai ser muito importante pra mim. Sou um bom atleta profissional, mas quero um dia jogar em um clube grande, atuar em alto nível em grandes competições. Tenho fé que um dia vou jogar porque Deus vai me proporcionar isso”, destacou. 


CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK E FIQUE POR DENTRO DE TUDO QUE ACONTECE NA CIDADE:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

A Revista Queimados é o maior veículo de comunicação da cidade!!!