terça-feira, 25 de junho de 2013

Teatro de rua atraiu mais de 50 pessoas em Queimados neste domingo

 Várias peças estão sendo apresentadas em praças e ruas da cidade
  Foto: Simone Silva | PMQ

Dine Estela: Era uma casa, muito engraça, não tinha teto, não tinha nada (...). Eram paredes de tela transparentes o suficiente para acompanhar os conflitos de um casal em crise. Diante de tantas brigas e reconciliações, nem mesmo o tempinho frio e a chuva fina que caía bem na hora da apresentação, afastou os olhos curiosos dos que passavam pela Praça dos Eucalíptos, neste domingo 23, por volta das 20h.

A peça “Paredes Externas” estreou com louvor e os aplausos de cerca de 50 espectadores, o que para a atriz Mariana Quintão, foi tenso e gratificante “Fiquei tensa por estar em ambiente aberto. A reação do público é imprevisível, mas foi gratificante sentir a interação e energia”, observou.  A peça segue para Cinelândia, 28 de junho, orla de Copacabana domingo, 7 de julho e no Largo do Jesus (Morro do Vidigal), 14 de julho.

 Foto: Simone Silva | PMQ

 “Parece uma caixa gigante de luz”, estas foram as palavras do pequeno Iago Souza de 9 aninhos. Já os amigos, Maurício Luiz, 19 anos, morador do Centro, Jorge Campos, 18, Três Fontes e Camila Domingues, Fanchen que souberam através do Facebook. “Gosto muito de teatro e já cheguei a atuar e não poderia deixar de desejar muita sorte nessa nova empreitada, ou como se diz no teatro, “Merde”, destacou Jorge que veio com os amigos.


O Secretário de cultura, Antônio Almeida, está realizando várias atividades culturais nos bairros com vistas à democratização do acesso dos cidadãos aos eventos culturais da cidade. A penúltima peça foi “O Médico à Força” da Cia Queimados Encena que percorreu vários bairros. “Sabemos das dificuldades e dos preços altos do lazer em nosso país e a maneira que encontramos para minimizar este problema está em levar a cultura até as pessoas”, destacou.

Público interagem com o cenário

Outra novidade apresentada pela Cia Solo Coletivo, foi a visitação ao cenário, onde as pessoas puderam fazer fotos antes e depois do espetáculo. “Muito legal, no início a gente fica meio sem graça, mas quando vê outras pessoas fazendo a mesma coisa, relaxa e curte a experiência. Estar neste ambiente de tanta imaginação e energia é muito gostoso”, observou Ezequiel Gomes do bairro Tricampeão.

 ‘Paredes Externas’ é uma peça de teatro que se apropria e modifica o espaço da rua, para existir como espetáculo e tratar da temática das relações afetivas pela ótica de um casal em conflito. O projeto propõe um novo uso do espaço público e brinca com a invisibilidade da paisagem urbana ao instalar uma estrutura construída com ripas de madeira e tela transparente, no formato de um cubo vazado no teto.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

A Revista Queimados é o maior veículo de comunicação da cidade!!!