sexta-feira, 22 de março de 2013

Queimados anuncia o primeiro Porto Seco do Estado em seminário “Visões de Futuro”

Queimados se projeta para o futuro com o primeiro Terminal Logístico Ferroviário do Estado do Rio de Janeiro. 

Fotos: Dine Estela 
Dine Estela: O prefeito de Queimados, Max Lemos, participou nesta quinta (21), do Seminário “Visões de Futuro” promovido pelo Sistema FIRJAN, em Nova Iguaçu, juntamente com vários prefeitos da Baixada Fluminense e o vice-governador do Estado do Rio de Janeiro, Luiz Fernando, Pezão. O encontro teve o objetivo de apresentar o potencial de crescimento da região e os desafios dos municípios. 


O prefeito de Queimados, Max Lemos, destacou a importância da união dos municípios para o crescimento da região. “Vamos lançar no dia 9 de abril, no Palácio Guanabara, o projeto do primeiro Terminal Logístico Ferroviário do Rio de Janeiro. O Brasil não tem esta tradição de transportar por trilhos. Estamos seguindo os padrões internacionais da América e Europa, dando os primeiros passos neste sentido de desenvolvimento econômico para a Região e para o Estado do Rio”, destacou. 

O vice-governador Luiz Fernando, Pezão, também apresentou algumas datas de suma importância para o desenvolvimento da região como a finalização das obras do Arco Rodoviário Metropolitano, previsto para entrar em operação em dezembro deste ano, além da duplicação da Via Dutra. 

Durante o evento foi entregue aos prefeitos, o documento “Visões de Futuro: potencialidades e desafios para o Estado do Rio de Janeiro”, como resultado da mobilização de mais de mil empresários, técnicos do Sistema FIRJAN e representantes do poder público e da sociedade organizada. 

O documento aponta os caminhos que o Estado do Rio poderá seguir estabelecendo os principais motores de desenvolvimento, as oportunidades e desafios futuros para os próximos 15 anos, com vistas ao pólo gásquímico e petroquímico do país, além do Porto Seco que será inaugurado em Queimados no próximo mês, melhorando o escoamento de mercadorias para o Porto de Sepetiba, através de uma ferrovia.












4 comentários:

  1. A rua zumira do bairro fanchem esta as escuras ,não há asfaltamento e uma infestação de caramujos africanos esta causando transtornos aos moradores que Deus olhe por nóis .

    ResponderExcluir
  2. A rua antonio grande, sem asfalto esgoto em ceu aberto, pedimos socorro....

    ResponderExcluir
  3. E o bairro da Paz todo esburacado e abandonado, estragado pelo início da obra que não está sendo continuada.
    Estava melhor antes.
    Falta de respeito e compromisso com o povo.

    ResponderExcluir
  4. É impressionante, como a visualização dos populares se limitem ao seu proprio nariz, o bem comum, que beneficia a cidade em geral, para proporcionar melhorias maiores não são bem vistas.
    A população quer ver apenas operação tapa-buraco, saneamento, coisas desse tipo, ai todo mundo fica feliz, seria facil fazer isso, mas creio que a visão seja bem maior!!!
    Sei que todos precisam viver bem, de maneira a ver ruas apresentaveis, sistemas de esgoto funcionando bem e coisas assim...mas a proposta do governo atual é interessante e por isso acho que merece uma visão diferenciada por parte da população!!!
    Max...grandes conquistas estão vindo, melhorias que estão passando despercebidas à vista de muitos!!!
    Parabéns pela gestão e que continuem os progressos!!!
    Parabéns também a minha querida Dine Estela pela cobertura fantástica!

    ResponderExcluir

A Revista Queimados é o maior veículo de comunicação da cidade!!!