segunda-feira, 11 de fevereiro de 2013

Tá na mente leva multidão ao delírio no terceiro dia de folia em Queimados

Bandas locais, Conexão Bahia e Alegria completaram a programação da noite

Felipe Carvalho-Rio. O terceiro dia da festa de momo, que tem como tema “Do Laranjal ao Industrial, surge Queimados e o melhor carnaval” foi marcado pela apresentação do Grupo Ta na Mente, que com um show versátil, onde os músicos cantaram grandes sucessos da carreira, como as canções “Fica”, “Fato consumado” e “Nossos Planos”, adaptaram algumas canções do funk ao samba e as famosas marchinhas de carnaval, agitou a multidão presente na Praça dos Eucaliptos. As bandas locais Conexão Bahia e Alegria completaram a programação da noite.

O Vocalista do Grupo Ta na Mente, Rony Lucio, falou sobre a sensação de se apresentar pela primeira vez no melhor carnaval de rua da Baixada Fluminense. “Para o grupo é sempre uma alegria tremenda cantar em Queimados, porque a galera é calorosa demais e gosta muito do nosso trabalho. No Carnaval, foi a primeira vez e o Show foi mágico, conseguimos unir a nossa vertente que é o pagode romântico com outros ritmos e ficou muito bacana”, disse o cantor.

A foliã Joyce Ramos, 16, foi a felizarda da noite. No meio de um mar de gente ela foi escolhida pelo vocalista Rony Lúcio para subir no palco durante o show e ficou eufórica com o acontecimento. “Estou muito feliz te ter podido ficar ao lado deles, já que sou fã do Grupo Ta na mente. Foi a melhor sensação do mundo”, contou a fã emocionada.

O baterista do Grupo Swing&Simpatia, Dudu Oliveira, saiu do show que a Banda realizou em Paraíba do Sul direto para o Carnaval de Queimados. “Eu como queimadense não consigo ficar um ano sem participar do melhor carnaval da Baixada, por isso fiz questão de estar presente no show de hoje, para prestigiar também os meus amigos do Ta na Mente, que fizeram um show com um grande repertório. Estão de parabéns”, disse o baterista.

Para o Secretário Municipal de Cultura, Antonio Almeida, o grande desafio do Carnaval 2013 foi promover um evento de nível elevado e resgatar os artistas do Município. “O Prefeito Max Lemos nos deu a missão de organizar uma festa de qualidade e de alto nível e acho que estamos conseguindo. Incluímos grandes artistas na nossa programação e resgatamos também as bandas locais. Mas, o que me deixa mais feliz é ver o carnaval sendo curtido com na paz e tranqüilidade sem nenhuma ocorrência policial grave”, comemorou.

Carnaval de Queimados atrai público de fora do Município

Mesmo com a dificuldade de distância e de locomoção, centenas de foliões de outros Municípios curtiram a terceira noite dos festejos de momo em Queimados. É o caso do grupo de Índios, que saíram de Bangu para curtir o melhor carnaval de Rua da Baixada. Eles chegaram a perder o ônibus e o trem, mas não desanimaram e provaram que vale de tudo para curtir a festa no Município. “É o melhor Carnaval que tem no Rio de Janeiro. Nós viemos conhecer há alguns anos atrás, porque tínhamos um primo que morava aqui e desde então passamos a freqüentar todos os anos. Perdemos o trem e o ônibus, mas valeu apena por poder participar desta festa maravilhosa. Só vamos embora quando terminar tudo”, disse o líder do grupo, Reinaldo da Silva Lima, 45.


Atendimento especial às pessoas com deficiência física

Este ano as pessoas com alguma deficiência física também estão podendo curtir o melhor carnaval de rua da Baixada. A Secretaria de Promoção da Cidadania e Direitos humanos reservou um espaço elevado especial para elas. De frente para o palco e com uma vista privilegiada, os cadeirantes assistiram aos shows em camarote especial ao lado da cabine de som no meio da Praça. O local oferece um refúgio para os técnicos de som, facilitando o acesso rápido aos camarins e ao Posto de saúde especial.

O Secretário Municipal de Promoção da Cidadania e Direitos Humanos, José Ribamar, ressaltou a importância da acessibilidade, para que as pessoas com deficiência física possam participar do Carnaval. “Eu acho que o governo que tem a marca de avanço em várias áreas, também tem que ter uma marca humana. Nós queremos fazer uma gestão que tenha um perfil social. Fizemos um pedido ao prefeito Max Lemos, para que este espaço destinado aos portadores de necessidades especiais seja garantido não somente no carnaval, mas em todos os eventos que serão realizados no Município. Garantir acessibilidade para pessoas que antes não podiam participar da maior festa cultural do mundo é o que mais me motiva”, disse.

Pagodeiro Péricles, comanda o quarto dia de festejos em Queimados

Depois de Elymar Santos, Fundo de Quintal e o Grupo Ta na Mente, chegou a vez do samba versado na veia do cantor Péricles agitar os foliões presentes na Praça dos Eucaliptos. O ex-vocalista do Exaltasamba é o responsável por comandar a festa nesta segunda-feira no carnaval de Queimados.

Os foliões estão contando com uma mega estrutura com praça de alimentação, Posto de saúde avançado com duas ambulâncias do SAMU e uma avançada do Corpo de Bombeiros, além 140 seguranças particulares, 50 homens do 24º BPM , quatro viaturas da PM  circulando pelos arredores do evento, além de uma equipe da 55ª DP de Queimados de plantão.

2 comentários:

  1. JOÃO CARLOS DE CASTRO11 de fev de 2013 16:21:00

    Gostaria de parabenizar você Felipe meu grande amigo, pela grande competência, que você vém conduzindo a revista Queimados. sempre informando todos nós com notícias verídicais, e com um grande profissionalismo. abraços e sucesso cada dia mais na sua carreira.

    ResponderExcluir
  2. Seria ótimo se o dinheiro gasto para pagar esta festa tivesse sido gasto com melhorias em diversas comunidades carentes, como aqui no Bairro da Paz, que pelo que tenho visto, a verba destinada não é suficiênte para tocar a obra, que está tão lenta, que o que foi feito, já foi destruido pelas chuvas e o bairro está pior do que antes, com a rua sem acesso, pois os buracos das manilhas colocadas se abriram e não dá passagem para veículos, o barro solto que é colocado a cada chuva é carregado para entrada do bairro, deixando o acesso intransitável.horrivel.
    Mas se não tem carnaval os próprios "abandonados", reclamam.

    ResponderExcluir

A Revista Queimados é o maior veículo de comunicação da cidade!!!