sexta-feira, 11 de janeiro de 2013

Queimados se prepara para o 2º Festival de Pipas com atrações internacionais

A Pipa “Dragão Oriental” com 70 metros de comprimento foi a grande vencedora do primeiro festival de pipas de Queimados em 2011.
Dine Estela, RJ: O milenar brinquedo que auxiliou na criação do para-raios e esteve presente na primeira transmissão radiofônica, além de inspirar Santos Dumont em suas primeiras experiências com o avião, será a grande estrela do céu de Queimados no próximo dia 20 de janeiro pelo 2º Festival de Pipas da cidade. O evento começa a partir das 9h da manhã e vai até às 16h na Vila Olímpica da cidade e promete colorir o céu da cidade, à exemplo do ano anterior que contou com a participação de mais de mil pipas em diversos formatos. As inscrições podem ser feitas no mesmo dia, a partir das 10h. O concurso começa efetivamente às 13h. Ás 14h será a premiação do Ranking Carioca que vai contar com participações internacionais e às 15h a premiação geral do 2º Festival de Pipas de Queimados. A inscrição é gratuita e a única exigência é que os competidores não utilizem o cerol ou a linha chilena, materiais altamente perigosos para a vida humana e que podem desclassificar o candidato.

O festival será dividido por cinco categorias: Beleza, Originalidade, Centopeia, Raia Vazada e Maranhão Vazada. O primeiro lugar na categoria beleza vai receber uma pipa Parapente, objeto de cobiça dos pipeiros, 2º lugar uma pipa Asa Delta e o 3º um ventilador. Na categoria Originalidade o 1º recebe um Parapente, 2º Asa Delta e o 3º um ventilador. A categoria Centopéia vai premiar o 1º lugar com uma pipa Parapente, o 2º uma Asa Delta e o 3º um ventilador.  As categorias Raia Vazada e Maranhão Vazada irão premiar do 1º ao 3º com uma cafeteira ou 1 Grill.  Além das premiações tradicionais, a pipa que tiver maior destaque entre todas as categorias vai ganhar uma bicicleta.

Durante o segundo festival também irão ocorrer oficinas de pipas, bijuterias, pintura facial para meninas e distribuição de pipas, linhas e rabiolas. O evento está sendo organizado pelas Secretarias de Educação e Esportes. Também fazem parte da parceria a Max Pipas e a faculdade Estácio de Sá que vai participar oferecendo isenções de taxas de inscrições nos seus vestibulares e aferição de pressão arterial.

O projetista Max Cardoso da Max Pipas, campeão mundial de pipas em 2010, na Índia fala com orgulho da sua coleção, da qual fazem parte pipas de todo o mundo. São pipas diferentes, arrojadas. “Elas conseguem manter uma velocidade de até 50 quilômetros por hora”, conta ele que tem um acervo de mais de 500 pipas. .Max está participando novamente de uma competição internacional na Índia e chega ao Brasil no dia 16 de janeiro para participar do evento.

O 2º Festival de Pipas de Queimados também tem cunho educativo, orientando os usuários a não utilizar cerol ou a famosa linha chilena que já causou muitos acidentes fatais como explicar um dos organizadores. “Soltar pipa é uma tradição antiga dos brasileiros e que geralmente passa de pai para filho, por isto, nós aproveitamos a oportunidade para reunir os amantes desta brincadeira a não soltar pipas perto de redes elétricas nem em cima de lajes, para evitar acidentes”, contou Carlos Eduardo Ramos.

A Pipa “Dragão Oriental” com 70 metros de comprimento foi a grande vencedora do primeiro festival de pipas de Queimados em 2011. O dono da pipa gigante, Osmar Gomes de Souza, conhecido como Lico de Santa Cruz, é competidor há oito anos e levou seu filho Iago de Oliveira, que também ganhou o topo do pódio na categoria Maranhão com a pipa “Senhor e Senhora Smith”.

Premiação por categoria:

Categoria Beleza: 1º lugar Parapente 2º lugar Asa Delta e 3º lugar ventilador
Categoria Originalidade:1º lugar Parapente 2º lugar Asa Delta e 3º lugar Ventilador
Categoria Centopéia: 1º lugar Parapente 2º lugar Asadelta e 3º lugar Ventilador.

Categoria raia vazada do 1º ao 3º lugar uma cafeteira ou 1 grill
Categoria maranhão vazada do 1 ao 3º lugar uma cafeteira ou 1 grill


Programação:
09:00: Oficinas de pipas, oficinas de Bijouterias, oficinas de pintura facial e distribuição de pipas, linhas e rabiolas...
10:00: Inscrições para o festival de Pipas
13:00: Início do concurso
14:00: Premiação do Ranking Carioca
15:00: Premiação do Festival de Pipas de Queimados.



5 comentários:

  1. Qual a data do festival ?

    ResponderExcluir
  2. Dia 20 de janeiro. Está no primeiro parágrafo!

    ResponderExcluir
  3. Nada contra o festival,mais deveriam criar um festival de plantar árvores. Envolvendo comunidades,escolas pois teremos consciência ambiental passada para todas as gerações.

    ResponderExcluir
  4. É interessante e sem foco.Porque a prefeitura não apoie um Festival de plantar MUDAS de plantas nativas nos morros do Municipio. Envolvendo comunidades,escolas,e sociedade civil organizada. Pois o interesse é global. E alertando que o plantio de 3.000 mudas no Morro da Torre e sem interesse político,sem financiamento È por amor ao meio Ambiente. Dia 20 Janeiro concentração na Pça NSA S da Conceição 8:00 hs

    ResponderExcluir
  5. Esse povo reclama de tudo,nunca estão satisfeitos com nada.não gostou não participem,deixa as crianças se divertirem.

    ResponderExcluir

A Revista Queimados é o maior veículo de comunicação da cidade!!!