domingo, 15 de julho de 2012

Médicos da UPA de Queimados usarão jalecos para evitar faltas


Crédito: Mundo da Imagem

Felipe Carvalho – Rio- A UPA de Queimados tem passado por diversas reclamações dos moradores do Município, que questionam a superlotação e principalmente a falta de médicos da Unidade. Mas esses problemas também estão presentes em outras Cidades do Estado do Rio de Janeiro. Por conta disso, o Secretário Estadual de Saúde Sérgio Cortês decidiu colocar um microchip que monitora os passos dos profissionais da Saúde ajudando no controle da freqüência e na permanência do médico na Unidade. A novidade foi lançada durante a inauguração da UPA de Mesquita e a previsão é de quem em 90 dias o sistema seja levado para Queimados e Nova Iguaçu. Além do controle da assiduidade dos profissionais, a medida também funcionará para o controle de remédios, seringas e material de limpeza, que estarão com o chip.

“Em 2009, ousamos quando colocamos o ponto biométrico e estamos ousando novamente agora colocando o chip para monitorar frequência e permanência na UPA, além de controlar patrimônio. Nossa preocupação é com a população, para que ela não seja desassistida. Vamos implantar todos os mecanismos de controle necessários para a população ter atendimento ainda melhor”, disse o secretário estadual de Saúde, Sérgio Côrtes, durante a inauguração da Unidade de Mesquita, na última terça-feira.

O sistema de identificação por radiofrequência, RFID (na sigla, em inglês), lê a informação gravada no chip. Esses dados gravados criam o DNA do jaleco, dizem quantas vezes ele foi lavado, quem o está vestindo naquele dia, se o portador pode deixar a unidade portando o uniforme. Na porta do almoxarifado, há um leitor de digital. Quando o funcionário sai do setor, sensores fazem a baixa automática do que foi retirado ou incluem o que foi deixado lá. O sistema cruza informações e mostra quem retirou o que.

Fonte: Jornal Extra

7 comentários:

  1. Fácil é falar difícil é pôr em prática!
    Mais vamos esperar!
    É uma vergonha Queimados está crescendo e não ter um posto médico para atender a população.
    Descaso Total!

    ResponderExcluir
  2. Difícil é aturar incometente trabalhando e recebendo para fazer serviço mal feito. Acabo de vir da UPA de Queimados, ´meu marido se acidentou de moto e tive que ouvir do médico que não era necessário realizar um Raio-X porque era expor paciente à radiação sem necessidade! Depois encontramos a pessoa responsável por administrar medicação dormindo profundamente (é de conhecimento de todos que a sonolência causa confusão mental, a pessoa pode ler errado uma receita ou confundir os nomes no rótulo de medicamentos, isso qualquer analfabeto sabe!) e pra fechar com chave de ouro administrou a medicação errada!
    Como pode? Onde estes profssionais estão sendo formados? Radiação: estamos expostos a ela todos os dias. Se for necessário expor o paciente para evitar maiores problemas deve ser feito. Meu Deus é só pensar um pouco! Mas pensar dá trabalho!

    ResponderExcluir
  3. demorou.......parabems pela inciativa.agora,aqueles que sao contra,sao justamente aqueles que nao colaboram para um atendimento melhor.ja usei a upa de queimados e fui muito bem atendido..mas,ainda ha muita reclamaçao.nem sempre ha medicos.deveriam criar um telefone para reclamaçao de falta de profissionais nessas unidades...no entanto,como nem tudo e reclamaçao,meu elogio aos otimos enferemeiros e enfermeiras que trabalham lá...e aos medicos tambem......

    ResponderExcluir
  4. qualquer atendimento de trauma,principalmente ocorrido de acidentes automobilisticos,devem sim ser radiografados.o quanto antes.torci meu pe,fui atendido la,disseram nao ser necessario rx.apos 10 dias com dores,fui na cemoq.bati tal rx e descobri uma fratura .....parabems ao ""profissional""que diz nao ser necessario...

    ResponderExcluir
  5. olha gente o atendimento no upa de queimados é horrivel,parece que agente ta pedindo um favor pra algumas meninas que só trabalham por causa da molezinha do salario e por ser puxa saco do prefeito,e nao sabe elas que qjuem paga o salario delas somos nos,que pagamos varios impostos pra pelo menos tentar ver aquilo que se chama dde upa,que diz ser unidade de pronto atendimento funcionar,oh lugar pra trabalhar gente esnob,depois que colocaram um toca de palhaço na cabeça,fko ainda pior.

    ResponderExcluir
  6. agente mal chega na recepçao e é mal recebido,as recepcionista tentam ser vidente pra adivinhar o que o paciente tem, pra ser prioridade, porque tem 6 salas,so que 1 só tem medico pra atender essa populaçao de queimados que é mto grande. sr prefeito olha por favor,pela saude de nossa gente,por que se falecerem daqui a 4 anos o sr nao terar esses votos novamente.

    ResponderExcluir
  7. o upa de queimados precisa de um bom administrador,que possa passasr para os funcionarios um pouco de afeta para com o proximo,e tratar independentemente de aparencia ou idade,tratar tds com carinho e respeito,o upa precisa de mais médico,por que o pouco que tem,nao tem mta paciencia e mto menos educaçao,la ta precisando da equipe do wagner monte,so pra escracharrrrrrrrrrrrrr.

    ResponderExcluir

A Revista Queimados é o maior veículo de comunicação da cidade!!!