sexta-feira, 1 de junho de 2012

CHARRETES: Prefeito veta lei e vereadores não comparecem a Câmara para votar

Por: Felipe Carvalho 
Crédito: Internet
População à espera dos Vereadores para o início da Sessão
No último dia 10/05, o Vereador Davi Brasil apresentou o Projeto de Lei nº 325/12, que regulamenta o uso de charretes no Município de Queimados. Na ocasião, os vereadores presentes na Sessão (Careca, Wilson de Três Fontes, Jairinho, Paulinho Tudo a Ver, Elton Teixeira e o próprio Davi Brasil) votaram a favor do PL. O Presidente da Câmara Milton Campos também esteve presente na Casa Legislativa, mas não votou porque a Lei orgânica municipal dispõe que o Presidente só vota em casos de empate. Depois da decisão dos Vereadores, o Prefeito de Queimados Max Lemos anunciou que vetaria o Projeto de Lei e assim o fez. No dia 29/05, o Gestor do Executivo encaminhou o veto à Câmara. Nesta quinta-feira, 31/05, o assunto voltaria à tona na Casa Legislativa. A sessão seria para os vereadores derrubarem o veto, ou aprovarem a decisão do Prefeito.

No entanto, o assunto não pode ser debatido por falta de quórum. Havia somente dois vereadores presentes na Sessão, o Presidente da Câmara Milton Campos e o mentor do Projeto de Lei, Davi Brasil. A lei orgânica dispõe que a Sessão só pode ser iniciada com a presença de no mínino 1/3 dos vereadores. Como Queimados, possui um total de 11 parlamentares, seria necessário que ao menos quatro estivessem presentes na Casa Legislativa da Cidade. Os vereadores Machado Laz e Carlão da Cedae estão de licença médica. Os restantes não justificaram a falta. Com isso, o veto não pode ser votado e o imbróglio das charretes continua presente na Cidade. A expectativa é de que o assunto seja debatido na próxima sessão ordinária, que será realizada na próxima terça-feira, 05/06. Isso se os vereadores comparecerem.

5 comentários:

  1. ESTAO DISCUTINDO SOBRE VEICULO DE TRAÇAO ANIMAL QUE E PREVISTO PELO CODIGO DE TRANSITO BRASILEIRO E REGULAMENTADO PELO DENATRAN . SERIA MUITO BOM SER ELES ESTIVESSEM APROVANDO ,SANSIONANDO A CONSTRUÇAO DE UM VIADUTO E 2 OU + ESCOLAS PARA NOSSAS CRIANÇAS COM OS 5 MILHOES GASTOS NAQUELES 2 BURACOS , SEGUNDO A FONTE http://www.folhadonorte.com.br/site/ver.php?manchete=1193 UN VIADUTO COM TAIS DIMENSOES CITADAS ACIMA CUSTARIA 3.25 MILHOES. SEGUE O TEOR PUBLICADO PELA IMPRENSA


    Fundador Oswaldo Zanello - ANO XXIV - N.º 1687. ------------ HOME - COLATINA - COLUNAS - GERAL - ECONOMIA - ESPORTES - OPINIÃO - POLÍTICA - ASSINAR - CONTATOS ------------

    .
    .



    BAIXO GUANDU GANHA VIADUTO PARA TRANSPOSIÇÃO FERROVIÁRIA

    A Companhia Vale do Rio Doce assinou, no último dia 5, na sede de sua Engenharia, em Belo Horizonte, ordem de serviço para a construção de um viaduto sobre os trilhos da Estrada de Ferro Vitória Minas, na cidade de Baixo Guandu, que ligará a rua 10 de Abril, centro da cidade, ao bairro Mauá.
    A obra, a ser construída pela Ápia Construtora Ltda., terá 120 metros de extensão (incluídos os acessos) e 12 metros de largura. Vai custar R$ 3,25 milhões e deverá ser inaugurada em março do ano que vem.
    A atual passagem de nível que faz ligação rodoviária entre os bairros Mauá e Sapucaia, também em Baixo Guandu, será substituída por um mergulhão tão logo o viaduto estiver concluído. Esta passagem inferior, sob os trilhos da Vitória a Minas, servirá para uso de pedestres, ciclistas e veículos leves.
    As duas obras vão substituir as atuais passagens de nível existentes na cidade, eliminando o conflito entre trânsito urbano e tráfego de trens e reduzindo a necessidade de uso de buzina, benefícios que garantirão mais segurança e conforto à cidade.
    Necessário registrar que essas duas obras e sua localização foram negociadas com a Prefeitura e com as lideranças da comunidade a ser beneficiada.



    ‹‹ voltar | imprimir | topo

    ResponderExcluir
  2. Ué.. Um viaduto com 120 metros de extensão (incluídos os acessos) e 12 metros de largura e mais um mergulhão a custo de R$ 3,25 milhões. Por que o mergulhão apenas, sem viaduto, com um acesso horrível e sujeito a inundação caso as bombas não funcionem custou mais de R$ 5 milhões de reais. ABRE O OLHO POVÃO.. Mais vale um prato de salada com Deus, do um rodízio de picanha com o diabo..

    ResponderExcluir
  3. Não podemos esperar que no Brasil política seja coisa séria. Se olharmos hoje as pesquisas de opinião sobre as instituições, o congresso nacional e os partidos políticos ocupam os últimos lugares nas pesquisas. Isso é um péssimo sinal, a começar pela vergonha que é a propaganda política para as eleições. Pior que isso é o escracho da tal boca de urna com compra de votos pelos canalhas que compram e os otários que se vendem por R$50,00 ( última cotação da eleições passadas). Sem falar nesse governo corrupto e hipócrita do PT, que através da tal bolsa família compra os votos dos mais humildes legalmente.

    ResponderExcluir
  4. EN TEMPO, UM VIADUTO DE 3,25 MILHOES DE REIAS E TAMBEM UM APARELHO NOVO DE RESSONÃNCIA MAGNÉTICA PARA O NOSSA SAUDE(1,8 MILHOES O CUSTO) .

    ResponderExcluir
  5. Já foi pedido, através do Gabinete do Ver. Davi Brasil, licitação da obra do túnel.

    Israel Goulart

    ResponderExcluir

A Revista Queimados é o maior veículo de comunicação da cidade!!!