sábado, 19 de maio de 2012

Queimados está entre as cidades que mais contrataram no Brasil


Leandro Machado, Rio- O Ministério do Trabalho divulgou na última quinta-feira (17), os dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) e Queimados é a terceira cidade do Rio de Janeiro com maior saldo de vagas, que é a diferença entre contratações e demissões. A cidade da Baixada Fluminense, só fica atrás dos municípios do Rio de Janeiro e Macaé. Os dados são dos primeiros 4 meses de 2012. O saldo queimadense é de 3.268 vagas. Outro dado de chama atenção é que, a "super poderosa" Macaé, fica a frente de Queimados por pouco menos de 300 vagas de saldo.

Se analisarmos os dados a nível nacional, temos muito a comemorar. Entre todos os municípios do Brasil, Queimados ocupa a 33° colocação, acima de grandes municípios como Feira de Santana (BA), Sorocaba (SP), Santos (SP), Duque de Caxias (RJ), Cascavel (PR) e Juiz de Fora (MG), por exemplo.

A superioridade de Queimados em relação aos municípios da Baixada Fluminense também se torna muito claro nos dados divulgados. O saldo queimadense de 3.268 é bem maior que os de Duque de Caxias (2.923), Nova Iguaçu (549), São João de Meriti (435), (Belford Roxo (223), Nilópolis(131), Japeri (110), Paracambi (4) e Mesquita (-137)

São Paulo segue liderando o ranking, com a criação de 71.962 vagas acumulado do ano. Em segundo lugar, aparece o Rio de Janeiro, com saldo de 29.164 vagas, seguida de Belo Horizonte, com 24.464 postos de trabalho. A cidade de Franca, em São Paulo, é a única não capital entre as dez que mais criaram empregos. Foram 8.944 postos de trabalho a mais abertos entre Janeiro e Abril.
 
Coruripe, em Alagoas, lidera o ranking das cidades que mais perderam postos de trabalho, com o fechamento de 7.066 vagas nos primeiros quatro meses do ano. A cidade de Bebedouro, no interior de São Paulo, aparece em segundo lugar, com 6.505 vagas a menos; seguida de Matão, que perde 5.510 vagas.
Sete capitais aparecem no ranking das 50 cidades que mais demitiram em março: Maceió, Florianópolis, Belém, São Luís, Manaus, Fortaleza e Rio Branco.
Em todo o país, foram criados 702.059 empregos com carteira assinada nos quatro primeiros meses de 2012. Isso representa uma queda de 20,2% frente ao mesmo período do ano passado – o pior resultado para o período desde 2009.

Somente em abril, os números do Ministério do Trabalho mostram que foram criados 216 mil postos formais de trabalho, o que representa uma queda de 20,29% frente ao mesmo período de 2011. Em 2012, no entanto, abril foi o mês com melhor resultado – em março, a criação de postos ficara em 111.746.

Veja a listagem completa no link: http://portal.mte.gov.br/caged_mensal/principal.htm#3



Nenhum comentário:

Postar um comentário

A Revista Queimados é o maior veículo de comunicação da cidade!!!