terça-feira, 13 de março de 2012

Vigilantes bancários fazem nova greve em Queimados

Por: Felipe Carvalho

Crédito: Felipe Carvalho           
Agência Bradesco, próxima ao supermercado Extra está sem vigilantes
Quem foi as agências bancárias de Queimados, nesta terça-feira, foi surpreendido pela ausência dos vigilantes bancários nas agências, fato que também ocorreu na segunda-feira. Em assembleia realizada pelo sindicato da categoria, ficou decidido que eles entrariam em greve, a partir de ontem, por tempo indeterminado. Com piso salarial de R$ 864,00, os vigilantes pedem reajuste de 10% e melhoria das condições de trabalho.
A categoria também reivindica o aumento do benefício de vale-refeição de R$ 8,85 para R$ 16,50 e melhora da bonificação por risco de vida de 8% para 30% do valor dos salários, plano de saúde para seus dependentes, além da reposição da inflação de 2011.
Segundo o Sindicato dos Vigilantes, a greve afeta os serviços que contam com profissionais vinculados a empresas de segurança como bancos, hospitais, lojas e shoppings. De acordo com o sindicato, são cerca de 50 mil vigilantes em todo Estado do Rio de Janeiro. Ainda segundo a organização, a estimativa é que 60% da categoria tenha aderido à paralisação.

Um comentário:

  1. sou vigilante e acho justo a reividicação dos companheiros pois somos muito cobrado e não dão valor a nos os vigs.

    ResponderExcluir

A Revista Queimados é o maior veículo de comunicação da cidade!!!