segunda-feira, 19 de março de 2012

Aterro controlado de Gramacho fechará no final de abril e Queimados terá que depositar lixo em outra unidade

Por: Felipe Carvalho
Crédito: Internet

A meta de acabar com os lixões no Estado do Rio de Janeiro dando aos 92 municípios destinação adequada dos resíduos sólidos até 2014 vem sendo cumprida. Coordenado pela SEA (Secretaria de Estado do Ambiente) e pelo INEA (Instituto Estadual do Ambiente), o projeto “lixão zero” já possui 18 aterros sanitários em atividade. Outros três estão em fase de conclusão, incluindo o de Paracambi, local onde Queimados depositará o lixo que produz. Atualmente, os resíduos são depositados no aterro controlado de Jardim Gramacho, mas o local terá as atividades encerradas no final de abril.

Enquanto o aterro sanitário do Consórcio Centro-Sul Fluminense, que engloba além de Queimados e Paracambi, os Municípios de Mendes, Paulo de Frontim e Japeri não fica pronto, a Secretaria Municipal de Urbanismo e Meio Ambiente está analisando em qual local destinará o lixo produzido na Cidade, a partir do início de maio. No momento, na Região Metropolitana só há dois aterros sanitários licenciados para o recebimento dos resíduos. O CTR (Centro de Tratamento de Resíduos) de Nova Iguaçu e o CTR de Seropédica. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

A Revista Queimados é o maior veículo de comunicação da cidade!!!