segunda-feira, 30 de novembro de 2009

Fifa vai estudar proposta da Irlanda para que a Copa do Mundo tenha 33 seleções

O presidente da Fifa, Joseph Blatter, confirmou nesta segunda-feira que a Irlanda pediu para entrar na Copa do Mundo de 2010 como convidada, subindo de 32 para 33 o número de participantes. A Associação de Futebol Irlandesa alega ter sido prejudicada pelo erro no lance em que Henry usou duas vezes a mão para criar a jogada no gol de empate da França, pela repescagem europeia do Mundial. O pedido será analisado pelo comitê executivo da entidade máxima do futebol mundial. - Recebemos uma delegação da Irlanda, e eles naturalmente estavam infelizes com o que aconteceu. Eles sabem que o jogo não pode ser adiado, porque a decisão final é sempre do árbitro. Eles não pediram punição para ninguém, mas perguntaram sobre a possibilidade de a Copa do Mundo ter 33 seleções. Levarei o desejo ao comitê executivo da Fifa, e vamos analisar. Mas se confirmarmos a inclusão da Irlanda, teremos de fazer a mesma coisa com a Costa Rica - explicou Blatter, se referindo às reclamações do time da Concacaf, que foi prejudicado na repescagem contra o Uruguai, ao sofrer um gol em lance de impedimento. A Fifa vai se reunir na próxima quarta-feira para discutir os incidentes das eliminatórias europeias, após o lance polêmico em que o atacante Thierry Henry ajeitou a bola com a mão esquerda no gol que classificou a França para a Copa do Mundo. Os franceses derrotaram a Irlanda na repescagem graças a um gol de Gallas após jogada. Blatter quer que já na África do Sul as partidas tenham auxiliares atrás dos gols, com forma de minimizar os erros. O sorteio dos grupos do Mundial será na sexta-feira, dia 4, na Cidade do Cabo.

Por: Felipe Carvalho

Fonte: Globo.com


Nenhum comentário:

Postar um comentário

A Revista Queimados é o maior veículo de comunicação da cidade!!!