sexta-feira, 9 de outubro de 2009

Barack Obama leva o prêmio Nobel da Paz


Barack Obama leva o Nobel da Paz de 2009. Em 1906, Theodore Roosevelt, e em 1919, o então presidente Woodrow Wilson, também foram reconhecidos pelos esforços - AP

OSLO - Nove meses após assumir a liderança dos Estados Unidos, o presidente Barack Obama conquistou nesta sexta-feira o Prêmio Nobel da Paz. Reconhecido por seus esforços pelo desarmamento nuclear e por trabalhar pela retomada do processo de paz no Oriente Médio desde que tomou posse em janeiro, Obama é o terceiro presidente americano em exercício a levar o prêmio.
Obama ganhou o Nobel por não ser Bush, diz correspondente em Washington
"O presidente Obama venceu o Nobel da Paz por seus extraordinários esforços para fortalecer a diplomacia internacional e a cooperação entre os povos", disse um comunicado do comitê do Nobel.
A notícia gerou polêmica no mundo, já que Obama não comanda os EUA há nem um ano. O Talibã, por exemplo, idicularizou o fato, afirmando que Obama deveria ter sido premiado pelo "Nobel da violência". Já um integrante do Hamas disse que a conquista foi prematura. ( Correspondente em Londres critica a vitória )
" Obama venceu o Nobel da Paz por seus extraordinários esforços para fortalecer a diplomacia internacional e a cooperação entre os povos "
Mas o comitê não está preocupado com as críticas:
"Muito raramente uma pessoa com a mesma amplitude de Obama capturou a atenção do mundo e deu ao seu povo a esperança de um futuro melhor. Sua diplomacia é fundamentada no conceito de que aqueles que lideram o mundo devem fazê-lo em uma base de valores e atitudes compartilhados pela maioria da população mundial", acrescentou o comitê.
O comitê destacou que deu especial importância à visão de Obama de um mundo sem armas nucleares:
"Obama criou como presidente um clima novo na política internacional. A diplomacia multilateral recuperou uma posição central, com ênfase no papel que podem ter as Nações Unidas e outras instituições internacionais".
O presidente do Afeganistão, Hamid Karzai, que trava a guerra ao lado dos EUA contra o Talibã, parabenizou Obama pela premiação.
- Nós parabenizamos com todo o nosso coração o presidente Obama pelo respeitado prêmio - disse Karzai.
- Reconhecemos e recomendamos a visão e liderança de Obama, com a esperança de que paz e a normalidade retornem ao Afeganistão e nossa região - completou.
Em 2009, houve um número recorde de 205 indicados para o Nobel da Paz. O favorito para ganhar o prêmio era o primeiro-ministro do Zimbábue, Morgan Tsvangira. Entre os nomes também cogitados para o prêmio estavam o dissidente chinês Hu Jia, a ex-refém e ativista colombiana Ingrid Betancourt e a negociadora colombiana Piedad Cordoba.
Segundo o porta-voz da Casa Branca, Robert Gibbs, Obama se sentiu sensibilizado pelo prêmio. O presidente foi acordado às 5h (horário local) para receber a notícia. O vencedor não recebeu a costumeira ligação do Comitê Norueguês Nobel para avisá-lo sobre a conquista do Prêmio Nobel da Paz.
- Acordar um presidente no meio da noite não é algo que você deve fazer - disse o chefe do comitê na Noruega, Thorbjoern Jagland, a repórteres. Geralmente o vencedor recebe um telefonema de Oslo cerca de uma hora antes do anúncio às 06h (horário de Brasília).
Jagland afirmou que os cinco membros do comitê também temiam que o nome do vencedor vazasse antes do anúncio oficial em Oslo, como algumas vezes ocorreu.
" Reconhecemos e recomendamos a visão e liderança de Obama, com a esperança de que paz e a normalidade retornem ao Afeganistão e nossa região "
No ano passado, o prêmio Nobel da Paz foi entregue ao ex-presidente da Finlândia Martti Ahtisaari, que esteve envolvido em várias negociações de conflitos como o de Kosovo e Iraque.
Em 2007, o prêmio foi para ex-vice-presidente americano e ativista Al Gore, juntamente com o Painel Intergovernamental de Mudanças Climáticas. Já em 2006 o escolhido foi o bengalês Muhammad Yunus, pioneiro na implementação do microcrédito para pessoas em extrema pobreza (2006).
O vencedor do Nobel da Paz - escolhido por um comitê formado por cinco membros - ganha uma medalha de ouro, um diploma e um prêmio em dinheiro de 10 milhões de coroas suecas (1,4 milhão de dólares) - o equivalente a cerca de R$ 2,5 milhões.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

A Revista Queimados é o maior veículo de comunicação da cidade!!!