quinta-feira, 21 de janeiro de 2021

Prefeito de Queimados, Glauco Kaizer participa de reunião com Secretário de Fazenda e Planejamento do município do Rio de Janeiro



Ao longo da semana, Kaizer já havia se reunido com o secretário de Estado de Defesa Civil, o coronel Leandro Sampaio Monteiro. 


O prefeito de Queimados, Glauco Kaizer (Solidariedade), participou na tarde desta quinta-feira (21) ao lado do prefeito de Miguel Pereira, André Português (PR), de uma reunião com o Secretário de Fazenda e Planejamento do município do Rio de Janeiro e deputado licenciado, Pedro Paulo Carvalho. 

Na reunião, os gestores trataram de assuntos relacionados à melhoria da economia dos municípios no período de crise deixado pela pandemia do novo Coronavírus (Covid-19), assim como possíveis investimentos para os respectivos municípios 

Além do encontro com Pedro Paulo Carvalho, Glauco já havia se reunido ao longo da semana com o secretário de Estado de Defesa Civil, o coronel Leandro Sampaio Monteiro, buscando também uma parceria em prol de uma melhora nas políticas públicas do município. 

A Prefeitura informou também o desconto no pagamento do IPTU, onde o contribuinte pode ter acesso e retirar o boleto de forma remota, através do site: http://queimados.rj.gov.br ou se preferir presencialmente, pode comparecer na Secretaria Municipal de Fazenda e Planejamento (Rua Alves, 68), de segunda a sexta, das 8h às 17h. Não esquecendo do uso de máscara. 

Prefeitura de Queimados comete gafe em postagem na rede social

Equipe da comunicação deixou de fora um representante das religiões de matriz afro, gerando grandes críticas. 


Uma postagem da Prefeitura de Queimados, publicada nesta quinta-feira (21), gerou revolta nos adeptos de religiões de matriz africana. Na data em que se comemora o Dia Nacional da Luta contra a Intolerância Religiosa, a equipe de comunicação do governo municipal publicou uma arte com a mensagem: “Respeitar o próximo é cultivar a paz”. No entanto, na primeira imagem publicada não havia nenhum representante das religiões de matriz afro. 


Após uma chuva de comentários negativos nas páginas oficiais da prefeitura, a equipe de comunicação reconheceu o erro e inseriu uma nova imagem. “Pedimos desculpas a todos que se sentiram ofendidos e não representados por nosso post. A Prefeitura de Queimados valoriza e respeita todas as religiões”, publicaram uma nota em seguida.


Instituída em 2007, através da Lei nº 11.635, de 27 de dezembro, a data foi escolhida em homenagem a Yalorixá Gildária dos Santos, a Mãe Gilda, do Axé Abassá de Ogum, que foi vítima de diversas agressões, verbais e físicas, provocadas pelo preconceito à sua religião. Dessa forma, o dia 21 de janeiro, data de falecimento da Mãe Gilda, serve de alerta acerca do problema da intolerância religiosa, e é um importante momento para dar visibilidade à luta pelo respeito a todas as religiões.

“Deveria ter um pedido de desculpas. Em pleno dia de combate à intolerância religiosa, deixar de lado as religiões de matriz afro, que mais sofrem com isso. Essa postagem não deveria existir. Uma vergonha”, protestou o seguidor Felipe Camara.

Já o seguidor Mário Rufino completou. “Precisamos evidenciar sempre que possível esses equívocos e racismo estrutural. Em uma postagem sobre intolerância deixar um representante de matriz africana de fora ou é preconceito ou incompetência”, ressaltou.

Veja a imagem original que gerou a revolta entre os internautas: 


Polícia prende homem acusado de chefiar a milícia em Queimados


Ele foi preso por roubo, e além de Queimados também atuava na milícia de Campo Grande, no zona Oeste. 


Agentes da 55° DP (Queimados) realizaram uma ação conjunta com agentes da inteligência da Delegacia Antisequestro (DAS) na manhã desta quinta-feira (21), que culminou com a prisão de um homem apontado pelas investigações como sendo o líder do grupo para militar (milícia) que atua em Queimados. 

Segundo a polícia, as investigações apontaram ainda que o homem, além de chefiar a milícia de Queimados, ainda atuava na milícia de Campo Grande, na zona Oeste. 

Ele foi preso por roubo, após cruzamento de dados do Setor de Inteligência. Contra o acusado foi cumprido mandado de prisão temporária, expedido pelo Juízo da Vara Criminal de Queimados.

Fonte: Jornal Destaque Da Baixada

Sine Queimados está com diversas vagas em aberto para diversas áreas



Os interessados deverão comparecer até a agência do SINE, no centro de Queimados. 


O SINE (Sistema Nacional de Emprego) está com diversas oportunidades em aberto para a cidade de Queimados. Contudo, para se candidatar às vagas o interessado deverá comprovar experiência carteira no cargo escolhido. 

Confira as vagas: 


Açougueiro e ajudante de açougueiro
Requisitos: ensino fundamental completo ou incompleto e seis meses de experiência comprovados em carteira. 

Estoquista
Requisitos: ensino médio completo e experiência de, no mínimo, três meses comprovados em carteira. 

Ajudante de produção
Requisitos: sexo masculino, ensino médio completo e experiência de três a seis meses

Ajudante de produção - PCD
Requisitos: laudo atualizado, sexo masculino, ensino médio completo. 

As vagas só serão preenchidas ao candidato que comparecer no SINE (Rua Elói Teixeira, 50 - Centro - Ao lado do supermercado Extra), portando documento de identidade, CPF, comprovante de residência, comprovante de escolaridade e currículo. Além disso, para o atendimento na unidade só será permitido com o uso de máscara. 

Homem é preso acusado de maus tratos contra a própria filha em Queimados


Além de agredir, ele ainda obrigaria a menina a comer fezes e beber urina do vaso sanitário. 


Agentes da 55° DP (Queimados) prenderam nesta quinta-feira (21) um homem que não teve o nome revelado, acusado de maus tratos contra a própria filha de 13 anos. 

Segundo a polícia, as agressões começaram no final do ano passado e ocorriam dentro de casa, onde moravam de aluguel a adolescente, a mãe e o acusado.

O caso foi descoberto quando a proprietária do imóvel foi até a casa buscar algumas roupas da garota e a encontrou suja. A jovem então pediu socorro e disse estar naquele estado pois estava sendo impedida de praticar suas higiene, como: escovar os dentes, tomar banho e até de trocar a roupa suja. Ela disse ainda que vinha sendo proibida até de comer, pois o agressor (o próprio pai) só oferecia feijão azedo. Ela ainda teria dito que o acusado a obrigava a comer fezes e beber urina de dentro do vaso sanitário.

A dona do imóvel tentou intervir em socorro a menina e foi ameaçada, vindo então a acionar a polícia, que logo iniciou as investigações e prendeu o acusado. 

Em depoimento, a menina confirmou que foi obriga a comer fezes e confirmou outras agressões. Ela revelou ainda que durante uma das agressões o acusado enfiou uma mangueira em seu órgão genital, enfiou um brinquedo de pelúcia em suas narinas impedindo que ela respirasse e ainda rasgou suas roupas. Ela contou ainda que ao dizer que estava com sede durante a agressão, o acusado abriu a boca dela, cuspiu e colocou seu rosto em uma poça de lama no quintal. 

Segundo os agentes, a mãe da menina presenciou algumas agressões, mas teve medo de denunciar.

Fonte: Jornal Destaque Da Baixada

Circo Babilônia se defende das acusações de estacionamento de veículos em solo público: “faremos projetos sociais em parceria com o município”


Em parceria com a Secretaria de Cultura do município, o Circo promoverá uma temporada de três finais de semana a partir do dia 5 de fevereiro. 


A Revista Queimados recebeu na manhã da última quarta-feira (20) uma denúncia de caminhões do Circo Babilônia estacionados em solo público, em espaço na Vila Olímpica

Após a publicação da matéria, o dono do Circo, Alexander Braz entrou em contato com nossa reportagem, explicando o motivo dos caminhões estarem naquele local. De acordo com ele, o circo Babilônia fez uma parceria com a Secretária de Cultura do município, onde irão realizar uma temporada com duração de três finais de semana a partir do dia 5 de fevereiro. 

Ainda de acordo com Braz, ao longo do festival, crianças menos favorecidas da cidade serão favorecidas com ingresso para acompanhar um dos espetáculos. Braz lembrou ainda que o circo Babilônia já esteve em outras oportunidades na cidade, e que dessa vez ainda será adotado todas as normas de prevenção à Covid-19, como: distanciamento social, exigência da máscara e uso do álcool em gel. 

Braz confirmou também que o espaço ocupado pelo circo não irá impactar no uso da Vila Olímpica, inclusive com uma entrada sendo feita por uma área particular. 

A chegada do circo no entanto gerou uma grande revolta dos esportistas da cidade, alegando que o esporte vem sendo deixado em segundo plano. Lembrando que o atualmente Rômulo Ferreira Sales está acumulando a Secretaria nas duas pastas: Secretaria de Esporte e Lazer e Secretaria de Cultura e Turismo.