segunda-feira, 8 de fevereiro de 2016

Comemorando o carnaval, homem leva dois tiros em Queimados

PLANTÃO - A Prefeitura de Queimados cancelou este ano o tradicional carnaval de rua da cidade. Segundo o órgão, a falta de verbas, ocasionado pela grave crise financeira foi o motivo para a decisão. Mas mesmo assim, parece que os “baderneiros” não ficaram em casa assistindo desfile pela TV. Na madrugada deste domingo, um homem foi baleado duas vezes numa Praça próxima à Escola Oscar Weinschenk.


Segundo informações não oficiais, o homem foi socorrido e não corre risco de morrer. Houve muita correria no local. A polícia investiga o caso, mas não há informações sobre quem fez os disparos e nem motivação. 

Resultado de imagem para facebook


CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK E FIQUE POR DENTRO DE TUDO QUE ACONTECE NA CIDADE:


Menina de um ano cai em piscina e morre afogada

Acidente aconteceu em Rio D'ouro. Saiba os cuidados com as crianças para evitar afogamentos


PLANTÃO - Uma tragédia. Assim pode ser resumido o carnaval de uma família do bairro Rio Douro, em Japeri, na Baixada Fluminense. Numa reunião, no último domingo (07), em um momento de distração, a menina Sophya, que completaria dois anos na próxima quarta, caiu na piscina de casa e morreu afogada. A criança chegou a ser socorrida, mas não resistiu.

O sepultamento de Sophya aconteceu na tarde desta terça no cemitério da Jaqueira, em Queimados e o clima era de desolamento. Nas redes sociais, muita lamentação. No perfil dos pais da criança muitas mensagens de solidariedade e pesar.

“Adeus, palavra difícil, complicada de dizer e executar na vida, e impossível de aceitar quando o adeus é definitivo, como este que agora dedico a você, minha pequena #‎Sophia”, escreveu uma amiga da família no Facebook.

Quatro crianças morrem afogadas por dia no Brasil

A notícia choca, mas acidentes com crianças em piscinas e praias não é tão raro. Segundo estatística da Sobrasa (Sociedade Brasileira de Salvamento Aquático) quatro crianças (de até 14 anos) morrem por dia no Brasil, vítimas de afogamento. Ainda segundo o órgão, mais de 500 mil pessoas morrem afogadas por ano em todo o mundo.

Quando o assunto é criança, principalmente no verão, o cuidado deve ser redobrado. Ainda de acordo com o Sobrasa, 65% dos afogamentos ocorrem ao redor do domicilio e 50% dessas crianças foram vistas minutos antes circulando dentro ou ao redor de casa e Afogamento é a segunda causa de mortes em crianças de 1 a 9 anos e a terceira causa na faixa de 10 a 19 anos de idade.

Os cuidados com as crianças

A tenente do Corpo de Bombeiros, Gabriela Andrade de Carvalho, reforça a importância de se procurar o posto de guarda-vidas mais próximo e se banhar em frente a esse local. "Outra questão é observar as placas de sinalização. Se ela indica que aquele local tem buracos, que não é adequado para banhos ou que não tem guarda-vidas e, por isso, não é recomendado se banhar por ali, que obedeça essas orientações", alertou.

A curiosidade natural da idade, frisou a tenente, faz com que as crianças se arrisquem mais, por isso a atenção dos pais deve ser total dedicada aos pequenos. "Às vezes, os pais estão falando ao celular, por exemplo, e é aquele minutinho precioso que a criança desaparece ou se afoga. Nas praias da Grande Vitória, na maioria delas, estão sendo distribuídas as pulseirinhas de identificação infantil, com as cores de cada posto. O pai chegando na praia, deve procurar o posto e pedir essa pulseira para colocar no filho", explicou.

Tenente Gabriela alerta ainda quanto ao uso das boias infláveis. Por serem facilmente perfuradas, a orientação dos bombeiros é que sejam substituídas por boias de espuma, tanto nas praias quanto nas piscinas.

Piscinas e lagoas

Nas piscinas, a orientação é que sempre sejam cercadas por grades. Em desuso, devem ser tampadas. Assim, a criança só deve acessar o local com a orientação ou autorização de um adulto. A tenente  explicou que a falsa sensação de segurança é que faz com que o índice de afogamento seja elevado nas regiões de água doce.

Em caso de afogamento, a orientação dos bombeiros é que o acompanhante lance um objeto flutuante para essa pessoa. Jamais tente salvá-la com contato direto, independente de idade ou peso. Isso porque sem a técnica adequada de salvamento, a pessoa que tenta ajudar pode provocar um afogamento coletivo. Bolas, pranchas, isopores e até mesmo garrafas pet fechadas podem ajudar.

Resultado de imagem para facebook


CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK E FIQUE POR DENTRO DE TUDO QUE ACONTECE NA CIDADE:

sexta-feira, 5 de fevereiro de 2016

Carnaval começa hoje no Queimados Futebol Clube

Exibindo pravaler.jpgExibindo pravaler.jpgExibindo pravaler.jpgComeça nesta sexta-feira (05) o carnaval na cidade de Queimados. Como este ano não será realizada a tradicional festa de Momo na Praça dos Eucaliptos, a folia está garantida no Queimados Futebol Clube. E melhor que nota dez para sua escola preferida é a notícia divulgada pela organização:  a entrada é franca.

A festa vai até terça-feira com muito pagode, com destaque para o encerramento com a Bateria da Estação primeira de Mangueira.  A abertura dos portões começa às 18h.

Confira a programação completa: 

Sexta  (5) -  AfroReggae e Art Samba 
Sábado (6) - Grupo Styllo X & Hora certa   
Domingo (7) - Jet Samba Black e Bloco 18 
Segunda (8) - Grupo Pra Valer e Vai Sambar  
Terça (9) - Bateria G.R.E.S Estação Primeira de Mangueira & Bloco 18

Resultado de imagem para facebook


CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK E FIQUE POR DENTRO DE TUDO QUE ACONTECE NA CIDADE:







Novos esportes são oferecidos na Vila Olímpica


A chama olímpica nunca esteve tão acesa como agora, em Queimados. A cinco meses para a realização da maior competição esportiva do planeta, a secretaria de Esporte e Lazer do município da Baixada Fluminense apresenta novidades.  A partir deste ano, a Vila Olímpica terá em sua grade de atividades, aulas gratuitas de três modalidades que estarão presentes nos jogos olímpicos do Rio de Janeiro: Taekwondo, Badminton e Boxe. Além das novas opções esportivas, os atletas também podem se inscrever em outras nove modalidades que já eram oferecidas normalmente no local. As aulas começam a partir de 15 de fevereiro.
As vagas são disponíveis para as crianças a partir de cinco anos para aulas de Balé e Jazz. Já para as outras modalidades, é preciso ter mais que sete anos. Os responsáveis podem comparecer à sede da Vila Olímpica (Avenida Maracanã, S/N, Vila Pacaembu), de segunda a sexta-feira,  das 8h às 17 h, com documentos originais da declaração escolar 2016 (unidades públicas), atestado médico, uma foto 3x4, além de cópias da certidão de nascimento ou carteira de Identidade do aluno, identidade do responsável e comprovante de residência.
Ao todo, são 900 novas vagas abertas, número 56% superior ao que foi oferecido no ano passado. A expectativa é de 2,5 mil alunos estejam matriculados após o Carnaval, contabilizando as novas matrículas e as renovações dos atletas já cadastrados. Além do Taekwondo, Badminton e Boxe Olímpico, o local também terá aulas de: Basquete, Judô, Futsal, Voleibol, Handebol, Natação, Capoeira, Jazz, Balé, além do Taekwondo, Badminton e Boxe Olímpico. “Acreditamos que a Olimpíada do Rio de Janeiro vai incentivar a procura de crianças e adolescentes por novas atividades esportivas. Por isso, resolvemos ampliar o nosso leque de opções”, afirma o prefeito Max Lemos.
Conheça as novas modalidades:
Taekwondo - É uma forma de luta que prioriza a execução de pontapés sobre o uso dos punhos. Os combates têm duração variável, de acordo com o nível de graduação atingido pelo lutador. Para os faixas-preta, a luta tem duração de 6 minutos, sendo dividida em três rounds de 2 minutos. Para os lutadores de faixas coloridas, a luta tem duração de 3 minutos e se divide em dois rounds de um minuto e meio. Os golpes dados acumulam. Um chute dado no tórax vale 1 ponto; um chute giratório no tórax, vale 2 pontos; um chute na cabeça vale 3 pontos e um chute giratório na cabeça, 4 pontos. Caso um dos lutadores consiga nocautear seu oponente, ele é considerado vencedor da partida. Caso nenhum dos lutadores seja nocauteado, ao final do último round, é feita uma contagem de pontos de acordo com os golpes executados.
Badminton - É um esporte bastante semelhante ao tênis e ao tênis de mesa pela rede que separa os adversários. A diferença é que ao invés de uma bolinha e o direito de picar uma vez na quadra, os jogadores usam uma peteca e a mesma não pode tocar nenhuma vez no chão dentro dos limites marcados que sofre o ponto. A contagem dos pontos é muito similar a do vôlei de praia. O jogador ou dupla que vencer a jogada sempre inicia a próxima disputa. Quem completar 21 pontos primeiro vence o jogo. No caso de um empate no game em 20 pontos a 20, o jogo é disputado até o jogador ou dupla abrir 2 pontos de vantagem. O vencedor da partida saí entre o jogador ou a dupla que fizer a melhor de 3 games.
Boxe Olímpico - O objetivo de um pugilista é acertar o maior número possível de golpes no seu adversário e se defender para não ser atacado. O vencedor é aquele que somar o maior número de golpes perfeitos no final de todos os assaltos ou provocar o nocaute do oponente. Um pugilista ganha o combate por pontos quando obtiver decisão favorável pela maioria dos juízes ao final da luta ou quando derrubar seu oponente duas ou três vezes durante o mesmo assalto.  No caso de um nocaute, ou seja, quando um lutador cai e não consegue levantar após uma contagem de dez segundos realizada pelo árbitro, a luta é encerrada. Outra ocasião de ser encerrado o combate é quando ocorre um nocaute técnico, ou seja, quando um lutador não consegue reagir aos golpes do adversário, mesmo se mantendo de pé.


Resultado de imagem para facebook


CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK E FIQUE POR DENTRO DE TUDO QUE ACONTECE NA CIDADE:




Mais alunos nas salas de aula em Queimados

 Foto: Luiz Ambrósio 
Redação - O ano letivo começa nesta quinta-feira (4) para os 16 mil alunos da rede municipal de ensino de Queimados, na Baixada Fluminense. E na véspera do Carnaval, o “bloco da educação” tem prioridade no município. Este ano, 3.168 novos alunos vão frequentar alguma das 32 unidades escolares da rede. Cerca de 90% das vagas oferecidas a partir do início de janeiro já foram preenchidas, mas ainda restam vagas para as creches, Educação Infantil, Ensino Fundamental e EJA (Educação de Jovens e Adultos).
De toda rede de ensino, apenas os alunos das três creches municipais voltam no dia 15 de fevereiro, após o Carnaval. Para quem ainda deseja fazer matrícula, pode procurar a unidade escolar mais próxima ou a sede da Secretaria Municipal de Educação (Rua Hortência, 06, Centro).
A Secretária de Educação, a professora Miriam Mota, almeja um ano de conquistas educacionais: “Voltamos às aulas com uma grande expectativa. Aumentamos a oferta de vagas, principalmente por causa das reformas e ampliações de nossas escolas. Também estamos investindo em nossos professores e disponibilizando transportes gratuitos para os alunos”, enfatizou.
Das 31 unidades, cinco estão em reforma (Oscar Weinschenck, Professor Paulo Freire, Anna Maria dos Santos Perobelli, Dr. Eloi Teixeira e Santo Expedito), mas não terão suas atividades prejudicadas com a volta às aulas. Ainda estão previstas reformas e ampliações para as escolas São José, Alan Kardec e Pastor Arsênio Gonçalves. Além de melhorias na Cledon Cavalcante e Joaquim de Freitas. A unidade Waldick Conegundes Pereira está em fase final de reforma elétrica.
Já o prefeito Max Lemos afirma que o investimento na educação é essencial para uma sociedade mais humanizada: “Não existe uma sociedade forte se o governo não investir na educação. Aqui em Queimados nós estamos trabalhando para que nossas crianças tenham um futuro bem melhor através de uma educação de qualidade”, disse. Este ano também será especial por conta da Olimpíada do Rio. “O recesso escolar que geralmente é em julho, será em agosto, no período da competição”, adiantou.

Resultado de imagem para facebook


CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK E FIQUE POR DENTRO DE TUDO QUE ACONTECE NA CIDADE: