quinta-feira, 19 de setembro de 2019

Homem é preso em Queimados após passar 14 anos foragido


Um homem identificado como Fabrício Pereira foi preso na tarde desta quinta-feira (19) em Queimados. 

Contra ele havia um mandado de prisão expedido em 2005, pelo crime de roubo qualificado, sendo condenado na ocasião por um período de cinco anos e quatro meses de reclusão. 

O criminoso foi submetido aos primeiros procedimentos ainda na 55ºDP (Queimados), sendo transferido em seguida ao Sistema Prisional, onde ficará à disposição da justiça. 

Queimados terá ações especiais para comemorar o dia da árvore


No próximo sábado, 21 de setembro, será comemorado o dia da árvore e a Prefeitura de Queimados por meio de sua Secretaria Municipal de Ambiente e Defesa dos Animais terá várias ações especiais para comemorar o dia. 

A comemorações terão início no sábado (21) com eventos na praça Nossa Senhora da Conceição, iniciando a partir das 9h e, terá algumas atrações, como: música ao vivo, panfletagem, troca de óleo de cozinha por produtos de limpeza e té distribuição de mudas nativas da Mata Atlântica. 

Já na terça-feira (24), alunos dos CIEPs 341 (Sebastião Pereira Portes) e 355 (Roquete Pinto), participarão de um ecopiquinique com direito a apresentação musical e plantio no Horto Municipal Luiz Gonzaga de macedo (Rua Eduardo Ceridônio, S/N, no Fanchem). 

As comemorações se encerram na sexta-feira (27) quando alunos da Escola Municipal Nélson Carneiro farão um tour pelo Parque Laje, no Jardim Botânico.  

quarta-feira, 18 de setembro de 2019

Pai procura por filho desaparecido em Queimados

Foto: Reprodução/TV Record


Há quase dois anos um pai, que não quis ser identificado, procura pelo corpo do filho que está desaparecido, em Queimados, na Baixada Fluminense. Felipe da Silva Ramos (19) foi morto no dia de seu aniversário. O pai acredita que o jovem esteja enterrado em um cemitério clandestino do grupo de milícia que atua na região, conhecidos como "Caçadores de Ganso".
As informações são da reportagem do programa Balanço Geral, da Tv Record reproduzida nesta última terça-feira (17).

Desde o inicio deste ano, a Policia Civil e o Ministério Público do Rio de Janeiro intensificaram as buscas por suspeitos de atuarem em milícias na Baixada, capital e nas cidades da Região Metropolitana. A policia estima que mais de cem pessoas tenham sido assassinadas pela quadrilha. "Eu sinto que talvez vai ser um alivio pra mim. Estou cansado de saber que estourou um cemitério e não vejo expectativa nenhuma de saber que eu vou fazer o enterro do corpo do meu filho", disse o pai.
Um dos grupos investigados é conhecido como ‘Caçadores de Gansos’, que já prendeu vários suspeitos em julho deste ano. Na operação, foi detido o ex-vereador e ex-secretário de Defesa Civil Davi Brasil Caetano (PT do B), acusado de liderar o grupo paramilitar. Segundo o Ministério Público, Davi também é apontado como o responsável por explorar a distribuição clandestina de sinal de TV a cabo em condomínios do "Minha casa, minha vida". 
Buscas são retomadas em Queimados
Na última semana, a policia encontrou ossadas, roupas e calçados após retomarem as buscas por corpos em um cemitério clandestino em Queimados. Na ocasião, até uma retroescavadeira foi utilizada para localizar os materiais.

Entre julho e agosto deste ano, a Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF) localizou 14 restos mortais de vitimas na região. Os materiais já estão sendo analisados pelo Instituto de Criminalística Carlos Éboli (ICCE) e, em breve os familiares serão convocados para realizar o exame de DNA.

Polícia persegue e prende criminosos que iriam abastecer comunidade de Queimados

Foto: Reprodução/Facebook

Agentes da Polícia Rodoviária Federal perseguiram e prenderam na noite da última terça-feira (17), dois criminosos que transportavam um vasto material entorpecente para a comunidade do São Simão, em Queimados. 

A perseguição teve início ainda na Rodovia Presidente Dutra, na entrada da cidade. Os agentes que faziam uma ação na rodovia suspeitaram do veículo, que não atenderam a ordem de parada, empreendendo em fuga. 

Começou então uma perseguição, com direito a troca de tiros, que terminou somente na Rua Flamengo, no Bairro Pacaembú, já dentro do município de Queimados. 

Ao revistarem o veículo, os agentes encontraram uma vasta quantidade de drogas que segundo o próprio condutor do carro, seria para abastecer o Morro do São Simão, também em Queimados.

Os dois homens que estavam no carro foram presos em flagrante.

terça-feira, 17 de setembro de 2019

Frente fria se aproxima do estado e tempo deve mudar nesta quarta-feira


O calor exorbitante que fez nos últimos dias em Queimados, deve começar a dar uma trégua a partir desta quarta-feira (18). 

Há previsão da chegada de uma frente fria no estado, deixando o tempo nublado no final da tarde, e com possibilidade de ventos fortes ao longo de todo dia. 

A quarta no entanto ainda deve ser bem quente com a máxima podendo chegar aos 41°C e, não há previsão de chuva. 

O tempo instável deve seguir até o próximo final de semana, que será marcado por temperaturas mais amenas e chuvas fracas a moderadas ao longo dos dias a partir de sexta-feira (20). 

Polícia prende todos os envolvidos na morte de PM em Queimados

Foto: Reprodução/Facebook


A Polícia Civil prendeu nesta terça-feira (17) mais dois homens suspeitos de envolvimento no assassinato do Policial Militar Filipe Araújo de Assis, morto na última sexta-feira (13), em Queimados.

Ao total, três homens foram apontados pelas investigações como responsáveis pela morte do PM: Júlio César de Lira Alves - preso ainda na sexta-feira (13) logo após a polícia achar o corpo de Felipe, Tiago Petrônio de Lira Alves - irmão de Júlio César, e Leonardo da Silva Oliveira, conhecido como "Noni".

A motivação do crime é investigado pela Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF).

As investigações apontam ainda que o PM teria sido torturado antes de ser morto com um tiro desferido da sua própria arma, em uma área rural de Queimados.

Ainda de acordo com a DHFB, o crime teria sido motivado após a mulher de Júlio César acusar Filipe de um suposto "estupro".

Ainda de acordo com a DHBF, os três envolvidos no caso responderão pelo crime de homicídio. Os presos estão na Secretaria Estadual de Administração Penitenciária do Rio de Janeiro (Seap), onde ficarão a disposição da Justiça

Filipe era lotado na UPP de Manguinhos. O PM foi sepultado no último sábado (14) no Cemitério Jardim da Saudade, em Sulacap, na Zona Oeste do Rio.